sábado, 10 de fevereiro de 2018

Oficina de escrita




Retrato


Preparação do terreno junto à estufa e sementeira, António José, ou Tó Zé, como era conhecido pelo povo da Aldeia, era um idoso de 78 anos de idade.

Era frágil e cansado pela vida de trabalho que tinha levado pela frente. O seu cabelo branquinho e sedoso estava coberto por um barrete. O seu rosto redondo, moreno e um pouco enrugado estava sempre a ler a Boa Nova que o carteiro lhe trazia todos os dias. Os seus olhos mortiços, redondos e de cor negra estavam sempre inexpressivos. O seu nariz achatado, pequeno e adunco estava sempre entupido. A sua boca era pequena, pálida e da cor de vinho.

Tó Zé era pensativo, organizado, tímido, mas despachado. Era uma pessoa pacífica, discreta e justa.
Ele era o mais culto da rua.


Letícia Jesus n.º10, 5.ºA
                                                                                              Afonso Pinto n.º3, 5.ºA

Sem comentários: