sexta-feira, 15 de abril de 2016

Faça lá um poema

A seca de janeiro

No mês de janeiro, não há nada a contar.
Não há festas nem bolos,
parece que ele diz que não há nada para festejar.
No mês anterior há tanta coisa a contar…

Dezembro, mês feliz!
As luzes coloridas a cintilar…
Chama o pai Natal, a voz do petiz,
tocam os sinos para todos alegrar.

Em janeiro acho que um feriado se deve inventar.
Com chuva ou sem ela,
queremos todos alegrar,
já que o Carnaval ainda tarda a chegar…

Aconselho a todas as pessoas
um feriado reclamar!
Neste mês só neva,

Algo terá de o marcar!

                                                                                   Fernando Alves, nº.8, 5º.A

Sem comentários: